0


O Resgate do Governo Planetário da Terra


No dia 19/01/2018, a Terra foi reconhecida universalmente como integrante do Sistema de Governo Central do Pai Micah e resgata para si o direito de implantar o Governo Planetário da Terra, o que era sustentado até o momento por uma Regência Planetária. Os novos governantes planetários da Terra já foram eleitos e consagrados para a missão no orbe terrestre.

Após ocorrer a grande transformação na superfície do planeta será anunciado os novos governantes planetários à Humanidade Terrestre, cumprindo assim um dos propósitos do Pai Micah.

A Grande Missão agora será direcionada para a implantação da Nova Consciência na construção da Nova Terra aos que escolheram aqui permanecer.

A Grande Missão (GM) alcançou a sua grande meta dentro do Plano Divino do Pai Micah e a Terra é hoje reconhecida como parte integrante e inseparável da Sociedade Cósmica e Universal. Apta a prosseguir sua jornada dentro da Criação sob a Soberania direta do Pai Micah. 

A Missão Paz na Terra (MPT) realizada pela Grande Fraternidade Humana da Terra (GFH) também concluiu seu maior objetivo que era a de estabelecer um acordo de paz entre todas as raças interplanetárias diretamente envolvidas com a raça humana.

É possível ver a esperança renascer em nosso Universo Local onde grandes raças crísticas podem conviver num novo estágio de intercâmbio e colaboração criando um aprendizado jamais imaginado...

Ao alcançar o estágio de vibração da quarta dimensão física que se iniciou neste mês de janeiro de 2018, a raça humana terrestre passa a um patamar mais elevado

E aqueles que escolheram permanecer neste orbe terrestre e ajudar na construção da Nova Terra serão os pioneiros desta civilização que se estenderá pelas estrelas resgatando finalmente o seu convívio e o destino divino há muito tempo esperado.

Aos irmãos e irmãs que vão partir e deixar a Terra, recebam o nosso amor, gratidão, respeito e reconhecimento pelo grande aprendizado que tivemos juntos nesta terceira dimensão.

Aqui decidimos permanecer e ajudar o Pai Micah e a Mãe Divina a estabelecer os alicerces do novo mundo, da nova consciência e vamos juntos prosseguir neste planeta azul, pelo qual lutamos há milênios pela conquista de sua liberdade e hoje conseguimos uma trégua na guerra cósmica e intergaláctica. 

A manifestação da paz na Terra estabelece os novos vínculos de relações dentro do propósito estabelecido pelo Manifesto da União dos Trabalhadores da Luz que fundou a Grande Fraternidade Humana. Veja o manifesto logo abaixo:



A Bandeira Crística é agora reconhecida pela Sociedade Cósmica e Universal como o Símbolo da Paz Crística em toda a Criação.

Uma Nova Era se abre para todos nós... Filhos e Filhas da Luz!

Em luz e amor,
Gratidão profunda,
Shima.
Namastê.

Saiba mais:

Consagração da GFH no Tribunal do Conselho Cármico

Wesak - Reconstruindo a Ponte

As Primeiras Mudanças na Terra

Não Há Porque Se Desviar do Caminho


A Transição de Gaia 


Gratidão Pai Micah


Mais sobre o Pai Micah:
Amor Próprio e Ascensão - Por Rodrigo Romo



(...) O MEU PRIMEIRO ENCONTRO COM O PAI MICAH

Um dia, num domingo de outubro de 2005 estava a caminho de um supermercado na cidade japonesa onde residia, quando comecei a sentir uma forte irradiação envolvendo toda a cabeça. Mantive o autocontrole e o discernimento sobre a situação pois sinalizava um novo contato interdimensional. Devido à potência energética que a irradiação manifestava fiquei um pouco preocupado, pois não havia ainda passado por esta experiência... Não neste nível de percepção. A vibração era altíssima e ficava todo arrepiado enquanto me dirigia para o estacionamento da loja comercial.

Assim que sai do carro e ia fechar a porta, do alto surgiu uma voz retumbante, poderosa como o soar de uma trombeta, mas num tom amoroso, celestial e reconhecível.

“Eu Sou Micah”.

A luz era tão intensa que não consegui olhar diretamente para o ponto de onde a voz surgiu e fiquei apenas sentindo aquela Presença Divina, majestosa, enquanto Ele ia diminuindo a sua intensidade. Aos poucos já era possível ver o seu semblante e o seu rosto. Era a primeira vez que o via desta forma, personificada numa visão de grande beleza. Parecia o Grande Arcanjo, tamanha era a sua luz, maior do que os dois que já havia encontrado até então: os Arcanjos Gabriel e Miguel.


O Pai Micah ficou um bom tempo a me contemplar enquanto eu também o contemplava em profunda reverência e devoção. Em sua voz, o compromisso de novos encontros comigo. Disse que queria conversar, senti nas palavras Dele, algo que sinalizava que eu já estava pronto para isto. Quando a imagem do Pai Micah se desvaneceu, apenas as lágrimas escorriam dos meus olhos. O sorriso do olhar Dele ainda refletia na minha mente.

(Trecho do Livro  "O Voo da Águia - Caminho para o Despertar", págs 86 e 87)

Para ver uma prévia ou adquirir o Livro, acesse: http://a.co/g0QLKFt





Postar um comentário

 
Top