A GRANDE SERPENTE - 10/12/2019 - Caminhando com o Mestre

CONHEÇA NOSSOS LIVROS - CLIQUE PARA VER A PRÉVIA DO LIVRO

NEWS

Home Top Ad

LightBlog

Post Top Ad

LightBlog

Ouça o Artigo, Aperte o Play

terça-feira, 10 de dezembro de 2019

A GRANDE SERPENTE - 10/12/2019



"13 de Dezembro e há tanto a falar.
Há quem pense que seja somente pelo Natal e em grande parte pode ser nas mentes dos mais pífios, mas saibam que muito mais que nascimento ou renascimento há uma história contada há éons que nunca pôde ser resgatada.
Em um tempo distante daquele que a visão terrestre é capaz de abarcar, surgiu em Lemúria um grande mago, chamado de Grande Ser.
Naquela época, um terremoto abalou todos os recantos da Terra e do céu surgiram naves dos recantos mais obscuros do Universo.
Todas tinham um único propósito, resgatar a Grande Serpente, e o que se abalou sobre os povos da Terra foi a maior desgraça, jamais contada em qualquer livro ou memória estelar.
De todos os registros recuperados, foi visto que pouco se sabe daquela época.
Mas sabemos todos, todos nós que vivemos naqueles tempos de outrora, que séculos e milênios depois, ela retornaria.
E ela chegou, no Brasil em 2013, nesta data.
Poderia dizer que notícias ecoaram aos montes, que o céu se tornou nublado e chuvas torrenciais caíram sobre a Terra, mas nada disto aconteceu.
Naquele dia, os pássaros se calaram e o Universo se fechou em redoma.
Há mistérios que dirão insondáveis em um coração destruído pelo mal, mas garanto e asseguro que nada é insondável nas mãos do Pai.
Tirilando sua voz rouca nos recônditos terrestres, esta serpente hoje se manifestou, pela última vez, neste solo sagrado.
Hoje a levei, do mar, para fora da Terra, para fechar o ciclo de destruição que tantas vidas ceifou.
Deixou-me lá nos Montes das Oliveiras e partiu rumo ao deserto em busca de Cristo, Jesus, hoje digo que Ele nunca teria saído de lá se soubesse que ela voltaria.
Há mistérios que seus povos jamais contaram, seja por medo, por desconhecimento ou louvor.
Há os que crêem que do fundo da Terra Santa surgiria um covil de ideais, e surgiu.
Hoje digo, como quem diz em revelação extraordinária, que nunca saí de lá, pois lá sempre foi o meu lugar.
Hoje posso ser reconhecido não como Príncipe Planetário, pois até isto, ela me tirou.
Mas hoje, sou efetivamente aclamado, filho de Micah, divino e perfeito pois reconheci em mim o poder de deixar de ser quem me tornei, para ser quem Ele criou.
Me fiz Caligástia.
Hoje Cristo, Eu Sou".

Canal: por Renata Zimmermann.
Mensagem recebida em 10/12/2019 às 01:17h. (GMT -3).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad

LightBlog

Páginas