0


Saudações da Luz,

A revelação feita no artigo: Venezuela - A Queda do "Muro de Berlim" na América Latina - 25/02/2019, contém um significado de suma importância para definir os rumos da Humanidade até da Data Limite de 2019, conforme já venho anunciado em vários artigos neste Blog Caminhando com o Mestre.

É do conhecimento mundial os fatos que antecederam a Queda do Muro de Berlim, na antiga Alemanha Oriental que tinha um regime Comunista após o final da Segunda Guerra Mundial. Porém, este movimento anticomunista começou na Polônia e teve o seu apogeu nas eleições parlamentares 7 meses antes.

A Polônia é cristã e a Igreja era liderada por um polonês, o Papa João Paulo II.

Como há um ciclo repetitivo ocorrendo agora envolvendo o Caso da Venezuela e também o fato de que a cada 30 anos, há uma fenda temporal que se abre de acordo com a tendência mundial, isso se confirma exatamente com as ocorrências desencadeadas pela ditadura venezuelana.

A que se refere este Ciclo de 30 anos ou como mencionei o fator energético da numerologia 3 ou do simbolismo da Tríada Espiritual?

O Fator 3 tem a ver com Governo e Estado que é sustentado nos 3 Poderes: Executivo, Legislativo e Judiciário que tem a forma piramidal triangular. No caso do Ciclo de 30 anos está mais ligado a um processo evolutivo da Raça Humana dividido em 3 fases que vai do nascimento até os 7 anos e deste aos 14 anos formando a base fundamental do cidadão que engloba a infância e pré-adolescência, o ciclo do desenvolvimento físico-emocional da criança.

Já na fase da adolescência cobre dos 14 anos aos 21 anos que envolve o processo emotivo (relacionamento humano) e o do desenvolvimento mental inferior (inteligência emocional) fechando o segundo ciclo evolutivo da entidade humana encarnada. O processo seguinte envolve a faixa dos 21 anos até os 28 anos de idade fechando o ciclo aos 30 anos na formação do indivíduo como cidadão planetário. Aqui se conclui a maturidade espiritual (capacidade mental) de lidar com os aspectos sociais, ideológicos e a expansão da consciência (sabedoria).

Portanto o Fator 3 lida com a forma de governar um povo soberano e o Ciclo de 30 anos é o tempo que define a formação de um cidadão dentro de uma Nação que em si é o próprio Estado. Não é por acaso que um mandato representativo tem sua duração em média de 4 anos, porque em 3 anos já é possível promover mudanças, estabelecer os alicerces (planos de governo) e estabelecer um governo democrático. Até o prazo de 100 dias é praticamente aquilo que denominamos de 3 períodos de 30 dias (3x30) que é concedido ao Governo que assume um novo mandato.

Então, voltando ao Caso da Venezuela é uma situação repetitiva relacionada à Queda do Muro de Berlim porque a fundação do Foro de São Paulo iniciou em 1989 na mesma época, sabendo também que este Muro foi erguido 30 anos antes da sua queda – 1961 a 1991. A sincronicidade da Fenda Temporal é que o resgate da soberania pela Polônia está relacionado com as eleições da mesma forma como ocorreu no Brasil contra o Comunismo, lá em 1989 e aqui em 2018. A Venezuela representa a antiga Alemanha Oriental.

Dentro desta sincronicidade para confirmar este ciclo repetitivo é importante verificar as mudanças e transformações ocorridas exatamente há 30 anos e o que ocorre agora, como exemplo no Japão houve a mudança de uma Era para outra pelo falecimento do Imperador e agora pela abdicação do seu sucessor dias atrás. Digo isto, porque o Japão é o país do Sol Nascente e sinaliza as mudanças no nível planetário apenas com um processo que ocorre dentro desta Nação. É a mística Luz que vem do Oriente.

A abertura de uma Fenda Temporal é também uma oportunidade à Humanidade de refazer sua caminhada. É o ano que finda na Escola da Vida e recomeça o novo ciclo. Aqueles que repetiram o ano tem a oportunidade de rever os estudos e aprendizados. Aqui jaz uma sentença cósmica conhecida como Redenção e é nisso que a Humanidade refaz o seu percurso, a de fazer novas escolhas.

A Convergência Venezuelana

Estamos no momento vivenciando a grande transformação da Humanidade com o Caso da Venezuela porque envolve diretamente de um lado todas as Potências Comunistas do planeta e do outro as Potências da Cultura Ocidental e Cristã. E pela primeira vez há a oportunidade das duas Forças planetárias antagônicas chegarem a um acordo final sobre o Destino das Nações no orbe terrestre e da própria Humanidade. Este é o evento que está em jogo agora entre os EUA e a Rússia, protagonistas principais do Xadrez Cósmico.

Na Venezuela já há exércitos de militantes islâmicos e no caso de uma intervenção militar, os confrontos serão inevitáveis. E neste caso não pode ocorrer o mesmo que houve na Síria, com cidades destruídas e bombardeadas que podem gerar outra onda incontrolável de refugiados venezuelanos. A ocupação estrangeira por tropas cubanas, russas, chinesas e iranianas já é fato consumado. Uma intervenção militar por parte dos EUA agora pode ocasionar um banho de sangue e isso precisa ser evitado.

Um conflito em larga escala na Venezuela demandará um tempo longo de combates e não poderá ser resolvido senão com a vitória de um dos lados, o que significa um enorme gasto financeiro, político, diplomático, material além de ocasionar a morte de milhares de civis. É possível desencadear uma guerra global em razão do envolvimento de potências militares e esse é o ponto crucial nas negociações entre Trump e Putin, porque é do conhecimento do mundo ocidental que o materialismo é o alicerce do Comunismo e neste caso, o Governo tem suas diretrizes determinadas pelo Partido Comunista que já deixou um rastro de genocídio pelo mundo.

Portanto, o Caso da Venezuela deve ser visto sob o ângulo do Comunismo que é mais uma guerra geopolítica e a questão humanitária não faz parte da sua agenda. O que foi escrito nos acordos do Foro de São Paulo é o que está sendo cobrado agora e nem o ditador Maduro poderá voltar atrás, se pensar em desistir é certo que sofrerá retaliação. O exemplo da execução de Leon Trótski é bem claro sobre o que acontece com aquele que comete um ato de traição. A gravidade é maior devido aos acordos realizados entre o ditador Maduro e o Partido Comunista da Rússia.

É neste ponto que menciono o caso de haver dois governos e dois comandos militares dentro de uma Nação. Onde há a ditadura estas relações ocultas existem e acordos secretos são realizados. A ideologia do Comunismo e sua doutrina é supranacional. E isto está registrado nas Atas do Foro de São Paulo.

Então ocorre na Venezuela uma Convergência Internacional de interesses obscuros que inclui a interferência alienígena negativa e não confederada. A descrença sobre esta atuação extraterrestre é que causa a confusão nos debates sobre o tema, pois ignora a realidade por trás desta crise que tem outro objetivo que é o de desencadear mais uma guerra mundial. O Presidente Trump tem ciência disto e o Presidente Putin também.

Esta Convergência Venezuelana está ligada diretamente à abertura na Fenda Temporal, onde há também um Portal Estelar para a entrada de uma força alienígena não confederada, caso uma nação que é sua aliada aqui na Terra peça ajuda no caso de uma guerra em escala global. E nesta hora é preciso que as duas Nações, EUA e Rússia estejam lado a lado nessa nova frente de batalha, porque a razão de se criar um conflito entre essas duas potências é fragilizar a defesa planetária da Terra diante de uma possível invasão extraplanetária.

Este é o Jogo do Xadrez Cósmico.

A Guerra não é entre Humanos, é entre a Humanidade e outra Força Alienígena Não Confederada.

Em Luz e Amor,
Paz na Terra!
Shima.
Namastê.

Postar um comentário

 
Top