A GUERRA ESPIRITUAL – CRISTIANISMO X COMUNISMO – 06/04/2019 - Caminhando com o Mestre

CURSO

LightBlog

NEWS

Home Top Ad

LightBlog

Post Top Ad

sábado, 6 de abril de 2019

A GUERRA ESPIRITUAL – CRISTIANISMO X COMUNISMO – 06/04/2019




Atualizado em 07/04/2019 às 03:51h (GMT - 3 Brasil) - Foram incluídas informações sobre as Raças e Sub-Raças. Atualizado em 09/04/2019 às 00:42h (GMT - 3 Brasil) - incluído Mapa demonstrativo sobre o reconhecimento internacional de Juan Guaidó como Presidente Interino da Venezuela..


Saudações da Luz,

Entramos na fase em que a Guerra Espiritual entre a Raça Humana e as raças alienígenas negativas se intensificam cada vez mais a partir dos eventos apocalípticos que se avizinham, levando as consciências humanas a se perderem neste emaranhado de hologramas criados para causar confusões e conflitos.

Como tenho relatado, o Caso da Venezuela tendia a ser o separador de águas neste conflito espiritual. O fato de duas potências mundiais apoiarem uma ditadura que bloqueou a ajuda humanitária para o povo venezuelano e também de vetar no Conselho de Segurança da ONU o que consideravam uma ingerência externa e/ou militar na Venezuela mostrou a tendência do Mal que se disseminou pelo mundo através da mentira e da falsa ilusão que desviam a humanidade do seu curso natural como uma raça que é essencialmente cristã.

A Cristandade é o alicerce da Humanidade Terrestre bem como o próprio planeta que tem sua energia Crística como base e sustentação da Vida neste orbe planetário.

Foi o caso destas duas potências mundiais que abertamente entraram na Venezuela para manter a Ditadura, condenada pela OEA, pelo Grupo de Lima, pelo Bloco Prosul, pela Comunidade Européia, pela Comissão Interamericana dos Direitos Humanos (CIDH) e também pelo Conselho de Segurança da ONU. Rússia e China reconheceram o ditador sem legitimidade que assumiu um novo mandato sem que as novas eleições fossem realizadas.

Por serem duas potências mundiais são também consideradas duas nações com alto nível de entendimento sobre outros povos que integram a Família Humana na Terra. Os governantes, as lideranças militares e os membros dos seus Parlamentos destes dois países comunistas estão cientes de que a Eleição de Maio de 2018 para Presidente da Venezuela não foi reconhecida pela maioria da Comunidade Internacional e nem pelo povo venezuelano.

E conforme mencionei em outros artigos, este ditador teve apenas 29,7% de votos do total de eleitores venezuelanos e por isso, não representa a vontade da Nação venezuelana para governar. Esta foi a razão para a anulação da Eleição Presidencial de maio de 2018 e a convocação de novas eleições e a grande mentira divulgada na mídia foi que o ditador teve quase 70% dos votos e não falaram que este índice se referia apenas a cerca de 1/3 dos eleitores que participaram da eleição, pois havia mais de 70% de rejeição do povo venezuelano contra o ditador, ocasionando o boicote.

Um dos principais motivos da instabilidade na Venezuela é a interferência militar e a política de Cuba nos assuntos internos do povo venezuelano, oriundos do movimento comunista na América Latina criado pelo Foro de São Paulo. Milhares de militares cubanos atuam na Venezuela e dominam as Forças Armadas Venezuelana e ameaçam de prisão e morte quem desertar. Muitos oficiais venezuelanos já se encontram presos e são torturados em suas celas.

A ação do Califado Islâmico através do apoio direto do Irã à ditadura de Maduro é realizado pelo grupo Hezbollah. Além deste, outro grupo conhecido como Forças Armadas Revolucionária da Colombia (Farc) age livremente na Venezuela, sendo a Farc um dos membros fundadores do Foro de São Paulo.

Portanto, a intervenção e a ingerência militar de Cuba, da Rússia e da China na Venezuela caracteriza uma violação da Carta da ONU bem como revela o grande Mal que ocultam seus interesses nos bastidores do Movimento Comunista de expandir suas influências em toda a América Latina. E estas duas nações (Rússia e China) já se pronunciaram que estão na Venezuela por acordos militares e estratégicos com o ditador daquele país. A questão simples é: terá validade estes acordos assinados por alguém que não tem legitimidade para assinar os mesmos?

É óbvio que não, pois o mandato do ditador encerrou-se no início de janeiro deste ano. O Governo Interino da Venezuela foi assumido pelo Presidente da Assembleia Nacional (Parlamento Venezuelano) devido à vacância do cargo até que novas eleições sejam realizadas.

Se analisarmos o quadro global sobre a questão geopolítica e estratégica mundial disputado pelas potências do planeta como os EUA, a Rússia e a China, fica evidenciado que o Caso da Venezuela possui uma dimensão ainda maior quando se entra no jogo o Califado Islâmico (Irã) que junto com o Comunismo desencadeia conflitos, revoltas e tomadas de poder no mundo inteiro.

Estes dois blocos internacionais já declararam sua guerra de destruição contra o Ocidente e os EUA/Israel. E por trás de todos estes eventos há o bloco dos mentores e financiadores da Nova Ordem Mundial que atuam através destes dois movimentos revolucionários.

Este é o fato relevante na crise venezuelana, a guerra espiritual destes blocos contra o Ocidente Judaico Cristão. E todo o Continente Americano (Norte, Central, Sul e o Caribe) são povos cristãos.

Aqui fica a revelação decisiva sobre o envolvimento das potências comunistas do planeta sobre a realidade humana na Terra. É possível enveredar no caminho da destruição da Humanidade sendo eles entidades humanas?

Quem será o maior beneficiado na extinção de uma parte da Humanidade?

A Rússia e a China estão cientes de que a intervenção na Venezuela abre o precedente de um novo conflito em larga escala que há muito tempo a sociedade humana vem trabalhando para evitar que aconteça. Se a Humanidade quer a Paz, então de quem é o interesse para que ocorra uma nova guerra mundial?

O EUA é o guardião do Continente Americano por vínculo e afinidade. Esta condição foi herdada por um propósito divino através do Mestre Saint Germain, Diretor e Avatar da Nova Era.


A consciência política do povo venezuelano é uma das mais desenvolvidas na América Latina e o ditador atual somente foi eleito em 2013 pela interferência direta do Foro de São Paulo com uma diferença de apenas 1,59% de votos do segundo colocado que era o candidato da oposição. A eleição de 2013 contou com a participação de 79,69% dos eleitores (14.986.744 de eleitores/2013). Houve denúncias de fraude neste pleito que elegeu o Presidente da Venezuela para o mandato de 2013 a 2019. As urnas eletrônicas utilizadas foram as mesmas das eleições no Brasil da empresa Smartmatic.

No caso das eleições venezuelanas como nas eleições do Brasil, as urnas eletrônicas foram fabricadas pela Smartmatic e o diretor-executivo da empresa, o venezuelano Antonio Mugica em 02/08/2017, denunciou que houve a manipulação dos resultados na eleição da Assembléia Constituinte ocorrida em 30/07/2017, e fechou a empresa na Venezuela. As urnas eletrônicas continuaram a ser usadas no país.

Se as disputas das esferas de influência da China na Ásia e Oriente Médio e da Rússia no Leste Europeu e também no Oriente Médio forem exportadas para a América Latina é com certeza o prenúncio de um possível conflito mundial com os EUA e isso, todos sabem. Principalmente os Parlamentos destas duas potências comunistas. Se aventurarem nesta direção, os efeitos refletirão diretamente dentro de suas fronteiras e afetarão também seus povos em decorrência do carma nacional que adquirirão para si mesmos.


É por isto que menciono sobre o “Efeito Dominó” do Comunismo no planeta.

A Verdade é uma só.

A Terra é um orbe Crístico. A Raça Humana também.

De que lado está a Rússia ou a China?

O passado ancestral destas duas nações são divinos e sagrados, mas se perderam no Caminho quando os revolucionários comunistas tomaram o poder e assumiram o controle do Estado. Desde a década de 90 a Rússia tenta arrumar a casa e a China busca o caminho desde 1978. Se voltarem ao passado e buscar na América Latina cometer os mesmos erros, então nada mais se poderá fazer.

A Humanidade está no alvorecer de novas descobertas, progresso e abundância e isso somente é possível com a Paz na Terra.

Não há mais tempo para guerras e destruições.

É possível a melhoria nas relações internacionais e na prosperidade comercial entre todas as nações do planeta. As relações de Estados independe de ideologias, mas se sustentam na fraternidade humana, onde ocorre o respeito mútuo, a compreensão e o entendimento de que somos membros da Raça Humana e não inimigos irreconciliáveis ou uma raça de predadores.

Em função destes conflitos mundiais que envolvem povos e nações e pela impossibilidade de esclarecer em apenas um artigo os assuntos que procuro trazer às consciências humanas de forma mais objetiva, trago hoje uma série de temas que irão nortear nossos estudos, cursos e a publicação dos artigos neste Blog Caminhando com o Mestre, além de artigos que serão publicados no Blog, serão realizadas Lives e gravações de vídeos para os cursos sobre o processo atual da Humanidade e o futuro da Raça Humana no planeta.

Que todos os povos da Terra se irmanem na Paz e busquem o Caminho da Redenção como Filhos da Luz.

Em Luz e Amor,
Paz em Cristo!
Shima.
Namastê.

A CRISE VENEZUELANA - Com a mente aberta é possível entender o que ocorreu na eleição de maio de 2018 na Venezuela, e porque o Presidente da Assembléia Nacional da Venezuela de acordo com a Constituição Venezuelana teve que assumir interinamente a Presidência do país... Em 10/01/2019 findou o mandado presidencial de Maduro e o cargo ficou em vacância e neste caso, a Presidência é ocupada interinamente até novas eleições pelo Presidente do Parlamento Venezuelano. Maduro não convocou nova eleição conforme foi determinada pela Comunidade Internacional desde maio de 2018.

O ditador Maduro já foi denunciado no Tribunal Penal Internacional por crimes contra a humanidade. Em 70 anos de comunismo o saldo ainda é o genocídio de mais de 500 milhões de mortos promovidos pelos movimentos comunistas no mundo inteiro. As milhares de mortes no Brasil se originam do narcotráfico mantido e sustentado também pelo ditador venezuelano.

As Comissões Interamericana de Direitos Humanos da OEA e a Comissão dos Direitos Humanos da ONU já denunciaram o ditador Maduro por violações dos Direitos Humanos na Venezuela e por crimes contra a Humanidade pela morte e assassinato de várias pessoas e de líderes políticos da oposição.

Todas essas e outras informações estão registradas em documentos já publicados e divulgados na Internet e nos sites destas e de outras entidades/organizações e instituições internacionais.

Sobre a OEA (Organização dos Estados Americanos) é o Fórum máximo de debates e resoluções sobre as questões dos países do nosso continente e os EUA e o Canadá são membros também desta Organização. A presença militar russa e chinesa na Venezuela viola a Carta da OEA.
 


(*) SOBRE A CHINA - Ao mencionar o povo chinês e sua ancestralidade é importante o estudo sobre o Taoismo, um legado sobre a essência primordial da Criação deixado pela Ordem dos Dragões Dourados que teve suas gerações posteriores envolvidas na negatividade ao mergulharem nas Trevas durante as guerras cósmicas e se transformaram em duas vertentes anticrísticas que formaram as Ordens dos Dragões Negros e Vermelhos.

Outro fator fundamental para o entendimento sobre a civilização atual da Humanidade é a sua origem onde hoje há o Deserto de Gobi (norte da China e parte sul da Mongólia), que no passado remoto foi o berço das Raças Mães e suas Sub-Raças (Atlante e Ariana). Naquela época essa região era conhecida como o Mar de Gobi e existia a Cidade Sagrada de Shamballa, mais conhecida como a Cidade da Ponte.



(**) A QUESTÃO DOS ÁRABES E JUDEUS – Este ponto requer muita reflexão sobre as causas de tantos conflitos entre estes dois povos do Oriente Médio, se faz necessária a compreensão dos fatos que marcaram o destino de cada um destes povos ao longo da história. Estes povos tem sua origem ancestral nos tempos da Atlântida quando formaram a 5ª Sub-Raça Atlante conhecida como Semítica. E foi esta mesma Sub-Raça que desenvolveu as sementes da 5ª Raça Mãe (Ariana) e que também formou a 2ª Sub-Raça Semítica constituída pelos povos árabes e hebreus dos nossos tempos atuais.

A 1ª Sub-Raça Ariana é a Hindu (Índia) e a 3ª Sub-Raça Ariana é a Persa (Irã), que formaram suas grandes civilizações no passado. A 2ª Sub-Raça Semítica se fixou na região mais ao Leste da antiga Pérsia, com os povos árabes se estabelecendo na Mesopotâmia (antiga Babilônia) e na Península Arábica e o povo hebreu no local onde hoje é a Palestina. Os hebreus se expandiram até o antigo Egito onde foram escravizados. Quando atravessaram o Mar Vermelho na busca da liberdade, a direção que tomaram foram a do antigo Lar, onde fundaram as Tribos de Israel.

Os povos árabes expandiram por toda a região do Oriente Médio e se integraram na Grande Civilização Persa (a 3ª Sub-Raça Ariana) e em razão das guerras entre suas tribos, quase chegaram à extinção. No caso do povo hebreu a dispersão ocorreu pelo fato de terem sido expulsos da Palestina durante o Império Romano e posteriormente pelo Império Otomano. Regressaram à sua terra natal após o término da Segunda Grande Guerra e fundaram o Estado de Israel.

Os judeus tem sua origem em nosso planeta após a queda do primeiro Governo Planetário da Terra, quando vieram para um Propósito Divino e foram os Guardiões da Cidade Sagrada conhecida como o Jardim do Éden, que existiu no passado remoto onde hoje é a Cidade Santa de Jerusalém. A origem espiritual dos primeiros Cavaleiros Templários é de encarnações destes Guerreiros que servem a Jeová.


(***) OUTRAS SUB-RAÇAS – Conforme vou publicando os artigos sobre a atual civilização humana na Terra, novas informações sobre todas as Sub-Raças Arianas serão reveladas, onde a 1ª Sub-Raça Hindu (Índia), 4ª Sub-Raça Celta (Grécia, Itália, Balcãs, Península Ibérica, França, Grã-Bretanha e Irlanda) e a 5ª Sub-Raça Teutônica (Alemanha, Polônia, Povos Eslavos - que deram originem o povo russo – e os Povos Anglo-Saxões). As 1ª e 4ª Sub-Raças Arianas também fundaram suas grandes civilizações no passado, como a 5ª Sub-Raça Teutônica ainda deixará a marca da sua passagem pela história humana da Terra.


As 6ª e 7ª Sub-Raças estão reservadas aos povos das Américas, a primeira com o Brasil e a última com os EUA. Lembrando que a 6ª Sub-Raça gera a semente da 6ª Raça-Mãe na próxima etapa do processo de evolução da Humanidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad

LightBlog

Páginas